Você está aqui: Home » Futebol » Paraguaios e uruguaios nas oitavas da Sul-Americana

Paraguaios e uruguaios nas oitavas da Sul-Americana

Foto: Com grande futebol, o Olimpia se classificou fora de casa contra o Águilas Doradas na Colômbia. (Foto: AFP)

Olimpia, Sportivo Luqueño e Defensor Sporting obtiveram na noite desta terça-feira sua classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana.
Grande noite para as equipes guaranis, principalmente para o Sportivo Luqueño, que está tendo uma atuação histórica para o clube, e para o Olimpia, que conseguiu um grande triunfo na Colômbia.
O Luqueño vinha de um empate com o Deportivo La Guaira fora de casa e foram muito superiores ao seu rival jogando no Paraguai, com uma goleada de 4 a 0 e um resultado global de 5 a 1.

Ortega abriu o placar aos 7 minutos. Leguizamón aumentou de pênalti aos 26. Já no segundo tempo, a história continuou sendo a mesma, com o time paraguaio atacando e marcando e novamente aos 10 minutos um gol de Oscar Ruíz e Jorge Ortega aos 41 minutos.

Enquanto para o Olimpia, o jogo não foi tão fácil assim, vinha de ter empatado em casa por 1 a 1 contra o Águilas Doradas da Colômbia e estava obrigado a vencer fora de casa. O time paraguaio saiu pisando forte e aos 4 minutos balançou a rede com gol de José Ariel Núñez. 10 minutos depois, o mesmo Núñez deu uma boa assistência para que Iván Torres marcasse o segundo gol. O Águilas estava obrigado a ter que reagir e aos 20 minutos conseguiu descontar com gol de Luis Alfonso Páez, mas pouco pôde fazer já que o Olimpia soube ter o domínio da partida e encerrar a série em um global 3 a 2.

O time que teve o jogo mais fácil da noite foi o Defensor Sporting do Uruguai. Após a goleada de 3 a 0 em Montevidéu em agosto, chegou a Lima com uma ótima vantagem e em bom ritmo, sendo o atual líder do campeonato uruguaio. Já o Universitario vem de uma forte crise esportiva, apostando os seus melhores jogadores para sair da zona de rebaixamento do campeonato peruano e se apresentou com um time alternativo. Diante deste panorama, os Violetas foram muito superiores e marcaram o único gol da partida aos 4 minutos, graças a Facundo Castro. Se bem foi um jogo aberto e com várias chances de gol, ninguém mais marcou e a série ficou encerrada em um global 4 a 0 para os uruguaios.

Paraguaios e uruguaios nas oitavas da Sul-Americana
Votar