Você está aqui: Home » Futebol » Imperaram os mais fortes no segundo dia de classificação

Imperaram os mais fortes no segundo dia de classificação

Foto: Ariel Núñez comemora o gol com os seus companheiros. (Foto: Sebastián Silva/EFE)

Cinco equipes conseguiram suas vagas para a seguinte fase nesta última quarta-feira, entre elas os poderosos Olimpia e Universidad Católica (Chi).
Resultados para todos os gostos na Copa Sul-Americana que aos poucos vai avançando a segunda fase.

Olimpia possivelmente tenha sido o time que classificou ontem com maior tranquilidade. Vinha de ganhar em Assunção ao Huachipato por 2 a 0 e desta vez obteve o mesmo resultado, mas no Chile. Aos 22 minutos José Ariel Núñez abriu o placar que foi fechado aos 44 minutos pelo mesmo jogador, fechando desse jeito um resultado global por 4 a 0.

Outro que teve um final feliz foi a Liga de Quito que vinha de ter empatado por 1 a 1 na Venezuela contra o Zamora. Esse resultado fazia com que os equatorianos jogassem em casa com maior liberdade e assim aos 19 minutos, o argentino Diego Morales fez o primeiro gol. No final da partida, Reasco fez o segundo gol que sentenciava a série em um 3 a 1 final.

Já em Montevidéu, quem não teve sorte foi o Danubio que devia ganhar da Universidad Católica do Chile, já que vinha de perder por 1 a 0 na primeira partida. Um insólito gol contra de De Los Santos colocou em vantagem o time chileno. Danubio precisava fazer 3 gols para classificar e o veterano Juan Manuel Olivera lhe deu esperanças ao time ao converter aos 4 minutos do segundo tempo. Mas um novo gol da Católica, desta vez de Mark González, fechou a série a favor dos chilenos.

Os que parecem que estão com a bola toda são os paraguaios. Sportivo Luqueño se somou ao Olimpia e Libertad para seguir à frente no campeonato. O clube Aurora da Bolívia não aguentou a toma e levou uma goleada por 5 a 1, deixando a série em um impressionante 7 a 2. Os gols foram de Di Vanni (2), Mendienta, Ortíz e Avalos com gol contra, Banguera descontou para os bolivianos.

E na última partida válida pela primeira fase no dia de ontem, Deportes Tolima classificou nos pênaltis frente o Carabobo da Venezuela. Em 180 minutos de jogo os times não puderam sair do 0 a 0 e parece que o maleficio seguia para o Carabobo nos pênaltis, já que com ótima atuação, o goleiro Silva atacou três pênaltis para o Tolima. O time paraguaio deverá voltar à segunda fase com melhor futebol se quiser seguir em frente.

No entanto, aqui no Brasil começaram os confrontos entre os times brasileiros. Com gol de Bianchuchi aos 24 minutos, o Bahia venceu por 1 a 0 o Sport Recife quem sofreu a expulsão de Samuel. A vitória do Bahia dá muitas esperanças ao time que vê com muita ilusão a classificação. Já no confronto entre Ponte Preta e Chapecoense, a partida acabou no 1 a 1. Wagner abriu o placar para o Chapecoense aos 11 minutos do segundo tempo, mas Leandro salvou a Ponte da catástrofe com o empate aos 43 minutos, mantendo a série aberta, devendo ser definida o dia 6 de setembro no Arena Condá.

Imperaram os mais fortes no segundo dia de classificação
Votar