Você está aqui: Home » Futebol » Argentinos, colombianos e equatorianos nas oitavas

Argentinos, colombianos e equatorianos nas oitavas

Foto: Independiente obteve a classificação nos últimos minutos de jogo. (Foto: Télam)

Foi jogada uma nova jornada da Copa Sul-Americana e quatro equipes carimbaram o passaporte rumo às oitavas de final.
A particularidade da noite foi que os 4 encontros terminaram com o resultado de 1 a 0, mas somente uma equipe ganhadora não pôde classificar. O Nacional de Montevidéu venceu na Colômbia o Independiente de Santa Fe, mas não foi suficiente já que tinha perdido por 2 a 0 em casa.

Após um primeiro tempo onde os colombianos dominaram o ritmo de jogo, foram os uruguaios que tiveram as melhores opções no segundo tempo e ganharam graças ao golaço de Santiago Romero aos 24 minutos. Apesar disso, o Santa Fe soube cuidar o resultado e garantiu a vaga para a próxima fase.

E não somente o Nacional de Montevidéu foi desclassificado, a mesma sorte teve o Nacional do Paraguai que caíram, em casa, contra a Liga de Quito. Desta forma, os equatorianos encerraram a série com um resultado favorável de 2 a 0. Cavallaro marcou de pênalti, aos 41 minutos, o gol da tranquilidade.

E em noite de confrontos entre argentinos, os dois que jogaram em casa classificaram, mas em situações bem diferentes. O Huracán tinha vencido o Tigre fora de casa com uma goleada de 5 a 2, já em Parque Patricios, o jogo foi bastante mais leve e a vitória foi graças ao gol de Mancinelli aos 14 minutos do segundo tempo.

Quem sim sofreu para classificar foi o Independiente, o conhecido “Rei de Copas” da Argentina, vai pelo seu segundo título da Sul-Americana, mas teve uma difícil partida diante do outro também campeão, Arsenal. Jogando em Avellaneda, o empate não era mau resultado para o Independiente, mas dava chances ao Arsenal, pelo que aos 42 minutos do segundo tempo, Lucas Albertengo balançou a rede do Arsenal para garantir a passagem para estar entre os 16 melhores da Copa Sul-Americana.

Argentinos, colombianos e equatorianos nas oitavas
Votar