Você está aqui: Home » Futebol » Amanhã, a grande final

Amanhã, a grande final

Finalmente, amanhã, ocorrerá a grande Final da Sul-Americana. Depois de tanto caminho percorrido, tantas vitórias e derrotas, histórias e emoções, será a definição do campeonato da Copa Sul-Americana. Definição que será no Estádio Maracanã, às 21h45, entre o time argentino Independiente e o brasileiro Flamengo.

No dia 6 de dezembro, foi o primeiro confronto pela Final, em Avellaneda, Buenos Aires, no qual o Independiente ficou com a vitória de local, por 2 a 1.

Para essa ocasião, aparentava que o Flamengo podia chegar a ter um melhor resultado, mais ainda quando o Réver, bem no início do jogo, fez o primeiro gol. Porém, depois disso, o time brasileiro não conseguiu resistir ao jogo do Rojo, que terminou fazendo dois gols, para ficar com a vantagem. Um do Gigliotti e outro do Meza.

Depois do resultado desse dia, o que pode acontecer? Na Sul-Americana é utilizado o critério de gols fora de casa, o que significa que a vitória do Flamengo por um gol de diferença, na partida de volta, fará com que a decisão seja na prorrogação e pênaltis.

Se a partida de amanhã terminar em empate, a vitória final é diretamente para o Independiente, que traz a vantagem da vitória anterior. Já para o Flamengo levar a taça, será necessário que o jogo acabe com mais de um gol de diferença a favor para o Rubro-Negro.

Conforme o próprio Reinaldo Rueda confirmou, após aquele enfrentamento, à sua equipe faltou melhor ataque coletivo. Mesmo assim, acredita nos jogadores que tem no seu plantel.

A prévia do jogo está sendo vivida, no Rio de Janeiro, já faz alguns dias. A torcida do Independiente esgotou os 4 mil ingressos que tinha disponibilizados, mas se espera que cheguem mais torcedores à cidade carioca para sentir a final bem de perto. Os torcedores do Rojo planejam fazer um “banderazo”, amanhã, às 11h, em Copacabana.

Enquanto isso, o Rojo teve o seu último treinamento, na Argentina, na manhã desta segunda-feira, para depois viajar para o Brasil. Evidentemente, o Independiente vai com muita expectativa para o jogo de volta, pois basta um empate para ele ficar com o bicampeonato.

É verdade que, agora, o Independiente deverá jogar de visitante, enfrentando a enorme torcida do Flamengo, na cidade dela. Mesmo assim, os argentinos confiam no seu potencial e na sua habilidade demonstrada já no jogo anterior. O próprio Meza, autor do gol que garantiu a vitória na partida anterior, confessou ter muita confiança no time e ser otimista, afirmando que o Independiente é um time forte como visitante.

Porém, ele também soube ser objetivo o suficiente para admitir que o Independiente precisa de fazer um jogo inteligente, não podendo dar opção ao Flamengo de dominar o jogo. Pois também é consciente de que o estádio estará lotado de torcedores do Flamengo, o que, sem dúvidas, será uma dificuldade com a que não contavam na Argentina.

Já na equipe do Flamengo, os jogadores sabem que, mesmo tendo a torcida e o estádio do seu lado, o encontro não será nada fácil. Pois eles chegam a esta oportunidade com desvantagem, pelo que terão que lutar por obter a vitória por mais de dois gols, para ficar com a Copa no Brasil. Mas não é impossível, o time está trabalhando para isso, motivo pelo qual, nos jogos nacionais, o Fla não utilizou todos os titulares, cuidando deles para a final.

Agora resta aguardar o evento ocorrer amanhã, para saber quem finalmente ficará com a Copa. Se o Independiente que chega com vantagem numérica ou se o Flamengo que terá a enorme ajuda da torcida e de jogar de local.

Amanhã, a grande final
Votar